• Nós desenvolvemos soluções para melhor atende-lo
  • Escritório: Arujá SP
  • Entre em contato conosco (11) 4063-6221 - (11) 96915-9344

Blog Forepoint

Por que investir em mídias sociais?

Quando a internet surgiu, muitos se perguntavam: “Por que investir em um site?”. Hoje, é default ter um site, ou seja, é indispensável. Até mesmo empresas de pequeno porte possuem uma página na web. Não há mais resistência por parte do mercado e até mesmo empresários mais desligados de toda essa coisa de  “internet e computador” já sabem que um site pode aumentar as vendas, melhorar a imagem, etc.

internet

Hoje, a resistência atende por “mídias sociais”. Por que uma empresa de pequeno e médio porte iria investir na contratação de uma agência, ou mesmo de um freelancer, para cuidar de sua página no Facebook ou perfil no Twitter? Muitos dizem: “Já tem o site e as redes sociais são para desocupados e não para clientes”. Não é o que aponta o relatório da Shareaholic, uma consultoria especializada em internet.

midias sociais

Segundo dados de pesquisa recentemente revelada, cerca de 23% de todo (TODO) o tráfego da internet tem como ponto de partida o Facebook. Sim, quase ¼ de todas as pessoas do mundo que acessam os mais de  300 mil sites analisados, vieram do Facebook. Elas viram a página da empresa na rede social, acharam interessante, curiosidade, tentador, etc, clicaram e foram até o site. Esta mesma pesquisa, no ano passado, indicava uma conversão de 9%… Foi de 9 para 23% em um ano.

facebobok

Após a rede social de Mark Zuckerberg, o Pinterest aparece com 5,7% de todo o tráfego dos sites. O Twitter fecha o pódio com 1,4%. Com estes dados em mãos, fica impossível negar a importância de se investir em redes sociais, principalmente no Facebook.

 

Fonte: Brainstorm

Continue lendo

O que foi sucesso no Facebook durante a Copa do Mundo

A maior rede social do mundo, o Facebook, divulgou números impressionantes sobre a movimentação de seus usuários dentro do evento esportivo. Para se ter uma ideia, mais de 350 milhões de pessoas geraram mais de 3 bilhões de posts, comentários e curtidas. Durante a final do torneiro, entre Alemanha e Argentina, foram quase 90 milhões de pessoas participando ativamente do Facebook. Este volume de pessoas gerou 280 milhões de interações.

Resultado? O evento esportivo mais comentado da história do Facebook. Confira mais dados:

fb

 

Continue lendo

#Use do jeito certo as hashtags

Certamente você já parou diante de um posto de Facebook, ou principalmente Twitter, e se perguntou “Tem necessidade de tantas hashtags?” O famoso jogo-da-velha é uma ideia muito criativa e ótima para buscas de usuários, afinal, tudo que está com o # vai para um lugar só. Exemplo: se você postar “Vi hoje no #Fantástico” , sempre que alguém fizer algo parecido e utilizando #Fantástico, os posts serão armazenados e exibidos em uma outra página exclusiva do #Fantástico… Ótima ideia, não? Mas é preciso ter cuidado.

2

Uma boa dica é usar com moderação. Vamos a um caso hipotético: sua empresa está vendendo canetas para volta às aulas em todo o Brasil. Você faz um post bem bonito, com imagem trabalhada do produto e escreve: “Volta às #aulas com #caneta #azul #vermelha de qualidade”. Viu como fica estranho? Isto não gera simpatia, então é bom moderar, por exemplo: “Volta às aulas com canetas de qualidade #educacao #brasil”.

Combinado?

Continue lendo

Facebook permite criação de posts sem internet

Quem usa o aplicativo do Facebook para iOS agora pode escrever postagens mesmo quando o aparelho estiver sem conexão com a internet.

fb

A atualização mais recente do app, já disponível na App Store, permite que se crie posts “mesmo quando sua conexão estiver fraca ou se você estiver em modo avião”. Quando a internet voltar a funcionar corretamente, a mensagem é publicada automaticamente.

Também há outras novidades, como a opção de revisar as sugestões que aparecerão junto aos links que você postar quando estiver lendo, ouvindo ou assistindo a alguma coisa.

O feed de notícias ainda ficou mais rápido, especialmente em aparelhos mais antigos e compridos.

Fonte: Olhar Digital

Continue lendo